DESTAQUES

CURTA CUARTA EM CASA

 

13 Maio

Rodrigo Dourado

CURTA CUARTA EM CASA #3: TEATRO À DISTÂNCIA: O PARADOXO NECESSÁRIO✨
.
O isolamento social que estamos enfrentando e a recente desintegração do espaço físico da CazAzul mostraram a urgente necessidade de construirmos novas formas de fazer teatro, tanto do ponto de vista da PRODUÇÃO quanto da FORMAÇÃO nesta arte da cena. Para refletir sobre o ensino de teatro nas atuais circunstâncias, Adriana Amorim convida o  Professor da Universidade Federal de Pernambuco, ator, diretor e dramaturgo RODRIGO DOURADO. 🤩
👉🏽Lembrando que estaremos em um novo horário: às 17h desta quarta-feira, 13 de maio.

BLOG DA CAZAZUL

 

Ascom



"Pontes Culturais" é o tema dos Cursos de Férias 2019 que a CazAzul realizará entre os dias 15 a 26 de Julho, em Vitória da Conquista. A casa azul situada na Avenida Rosa Cruz, além de continuar realizando cursos e Eventos Culturais, será um espaço destinado para receber artistas e grupos culturais de outras cidades e regiões - e até do exterior. E como não poderia ser diferente, a inauguração será marcada por atrações culturais - com oficinas e espetáculos teatrais.


Atenção para a Programação completa do projeto "Pontes Culturais":




➖De 15 a 19 de Julho - Teatro para Empreendedoras, em parceria com a Rede Donnas, é um curso exclusivo para Mulheres. Das 19 às 21h.


➖De 23 a 26 de Julho - Teatro para Adolescentes: a atriz Hannah Abnner chega do Recife com novas dinâmicas e jogos teatrais para adolescentes de 12 a 18 anos. Das 14 às 16h.


➖De 23 a 26 de Julho - Ator-criador e Atriz-criadora no processo colaborativo: oficina oferecida pela Confraria Poética Marginal - Conpoema, que vem de São Paulo especialmente para atividades artísticas e formativas com a CazAzul. Das 19 às 22h.


➖19 e 20 de Julho - Produção e Gestão de Projetos Culturais: mais uma oficina oferecida em parceria com o Conpoema.


O encerramento das oficinas vai ser no dia 26 de Julho, às 19h na sede da CazAzul. A programação de encerramento será aberta ao público, com apresentações artísticas. A entrada será por CONTRIBUIÇÃO ESPONTÂNEA.


As vagas para os Cursos de Férias são super limitadas e para se inscrever basta acessar o site (www.cazazul.com) ou entrar em contato pelo Whatsapp (77) 98874-7616.



31 visualizações


Turma infantil de Teatro apresentando o espetáculo "A magia das cores". Direção por Priscila Amaral, Assistência de Joanne Vale

Nesse mês de Junho,  a CazAzul Teatro Escola realizou aqui em Vitória da Conquista mais uma Mostra cênica Culte – Cursos Livres de Teatro. A Doutora em Artes cênicas pela UFBA, atriz, diretora e dramaturga Maria de Souza, escreveu sobre suas impressões da 5ª Mostra Culte. Confira:


Por Maria de Souza

“A caixa cênica – espaço físico do palco – é estruturada para ser neutra: um piso amadeirado que confere conforto ao impacto do corpo em cena; laterais e fundo pretos para dar ideia de amplitude e destacar as formas visuais; refletores e recurso de iluminação dispostos em um urdimento discreto para que só a luz penetre na cena. A luz, como a música é comandada de uma cabine distante da visibilidade do público que se acomoda na plateia. A neutralidade é apenas a base onde são apresentados os caminhos do que se pensa, do que se faz, do que se quer e do que se consegue ao realizar uma apresentação teatral.

A 5ª MOSTRA CULTE da CazAzul Teatro Escola não teve apenas uma apresentação mas CINCO que, distribuídas em dois dias, preencheram este espaço com o que há de mais absoluto na soberania do fazer teatral: atuantes!  Meninas e meninos, moças e moços, homens e mulheres que honraram um espaço que universalmente poderia ser qualquer outro no mundo de estrutura similar, mas que tendo acontecido à vista de quem esteve ali, presenteou a todas as pessoas com uma qualidade estética,  técnica, sensível, prazerosa, única.

Na primeira noite o espetáculo de abertura, A Magia das Cores, surpreendeu de imediato com um prólogo de pequeninos pautado em gestual cênico, que dava a cada menino ou menina um destaque de sua peculiar apropriação do espaço e da interação entre os colegas de cena, com uma solução – adequadíssima às idades – de uma assistente de palco que servia de guia e memória das ações. Na sequência da história, o domínio textual, noção de espaço, além de inflexão e volume de voz sintetizou, na experiência de duas crianças diante da chuva os dilemas, e depois descobertas, da importância da singularidade e da diversidade, personificadas por atrizes-mirins como as cores do arco-íris, cada qual com sua peculiaridade.

O segundo espetáculo A Cidade dos Livros impressionou desde o cenário com livros agigantados que fez com que as personagens se destacassem como seres mágicos. Um traço ainda mais especial ficou por conta da desenvoltura em cena das crianças – algumas já veteranas na CazAzul!  Interagindo com a voz-guia de um personagem ausente da cena, esse elenco atuava com prazer e beleza, plena autonomia no palco e nos conta sobre a importância da imaginação das crianças, da aventura da escrita e do amor à leitura.


"Os Saltimbancos", pela turma Juvenil de Teatro. Direção por Isac Flores.

Terceiro espetáculo da primeira noite, Os Saltimbancos é ao mesmo tempo uma ousadia, pelas referências que o precedem, e um mimo para o público que comunga com as canções. Neste espetáculo o protagonismo bem definido de um dos personagens foi essencial para as interações do elenco, porque foi assumido com habilidade e deu a cada entrada dos animais na trama o devido destaque. Com figurino e maquiagem que fogem ao campo ilustrativo, predomina a criativa articulação de alusões em adereços e cores com excelente acabamento. A obra destaca a máxima de que todos juntos somos fortes.

Na segunda noite da mostra, Curral Grande, peça da primeira apresentação levou à cena o tema duro da segregação social primorosamente apresentado com valorização de cada atuante. O uso inteligente de silêncio e som em cena; a capacidade de considerar a intervenção da plateia nos momentos de riso e a vocalidade bem articulada junto com expressão corporal revelaram estudo amadurecido da cena. Com iluminação e figurino cuidadosamente adequado a cada personagem, a riqueza estética foi aliada do impacto emocional.

Canto e Grito Liberdade fechou a segunda noite de modo extremamente rico. Textos autorais das atrizes e atores ancorados na vivência pessoal, empoderamento feminino, bom humor. Os questionamentos sobre falha da justiça nas cenas do julgamento de Sócrates e no trecho de A Exceção e A Regra de Bertold Brecht cobrem a apresentação com conteúdo forte, crítico e apresentado com impecabilidade de atuação, iluminação, sonorização e caracterização das personagens.


Espetáculo "A cidade dos livros", pela turma Infantil de Teatro. Direção por Yarle Ramalho, assistência de Álvaro Souza

Graças ao empenho de uma equipe de profissionais cuja qualificação se espelha nas apresentações, a 5ª MOSTRA CULTE é feita de um grande amor ao Teatro, às possibilidades transformadoras da cena viva. E, tanto quanto professoras e professores, alunos e alunas e plateia presente, a cidade de Vitória da Conquista através da iniciativa e compromisso da CazAzul, faz ascender um conhecimento que ficará impresso na sensibilidade e inteligência de quem esteve ali naqueles dois dias, torna o evento local um acontecimento no universo das artes e ousa! Porque sem ousadia, não seria tão mágico!”

____

A CazAzul Teatro Escola estará, em breve, com matrículas abertas para o novo semestre dos Cursos Livres de Teatro. Têm turmas para todas as idades e em diferentes dias e horários. Para mais informações: www.cazazul.com / (77) 998874-9616 / Instagram: @cazazul

CONTATO

REDES SOCIAIS

 

Oi e Whatsapp 

(77) 9 8874 9616

email

cazazulteatroescola@gmail.com

Vitória da Conquista/BA

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone YouTube

© 2023 por Arte Scaena. Orgulhosamente criado com Wix.com